O YouTube vai acabar na Europa! O que isso significa?

Como isso afeta os brasileiros?

5969 Visitas Tempo de Leitura: 5 minutos

Não, esse não é um texto exagerado com título clickbait! Foi aprovado pelo Parlamento da União Europeia o Artigo 13, que basicamente vai acabar com a internet na Europa se vir a se tornar lei mesmo.

Eu darei uma atenção especial para o YouTube por ele já ter se posicionado sobre o assunto e por ser o local com mais produtores de conteúdo.

O que é o Artigo 13?

O Artigo 13 faz parte da legislação europeia sobre direitos de autor criada com o objetivo de proteger melhor a criatividade e de encontrar formas eficazes de os detentores de direitos de autor protegerem o respetivo conteúdo online (texto oficial).

OU SEJA…

Este artigo proíbe que qualquer post em qualquer rede social tenha qualquer tipo de conteúdo de terceiros. Isso vai desde uma camiseta que apareça o logo da marca em uma foto no Instagram até utilizar imagens de outras pessoas em vídeos do YouTube.

Como assim? Basicamente qualquer post em rede social deve ser totalmente limpo. Tomamos como exemplo o YouTube.

De acordo com o Artigo 13, um youtuber deveria gravar um vídeo em um fundo que não tenha nenhum produto de uma marca. Ele não poderia usar camiseta, óculos ou acessórios que apareçam o logo da empresa. E não poderiam colocar inserts de terceiros nos vídeos, seja imagens, vídeos ou memes.

E o pior é que, se infringir o artigo, a marca terá o direito de processar a plataforma, além de tirar o conteúdo do ar. Isso vale também para conteúdos antigos. Em outras palavras, YouTube, Facebook, Instagram, Twitter etc deveriam fazer uma limpa de conteúdos e bloquear todos os novos uploads.

Pois se não fizerem isso vão receber milhões (ou mais) de processos e provavelmente perder todos.

Quem será afetado?

Engana-se quem acha que os únicos afetados serão youtubers, instagrammers e os demais produtores de conteúdo. Isso vale para qualquer pessoa que usa redes sociais. Então, aquela foto em família do natal, se tiver aparecendo o logo de uma marca na camisa de alguém presente, ela será barrada.

Logo, se você é da turma que acha que youtuber é preguiçoso e isso vai ser bom para eles irem trabalhar, saiba que você está errado. Qualquer pessoa em países da União Europeia praticamente perderão o acesso a internet.

Os brasileiros serão afetados por causa do público de Portugal. Muitos canais daqui tem parte do público formado por portugueses ou brasileiros que vivem lá (que não são poucos).

Quem se beneficia?

As mídias tradicionais da União Europeia. É simples, se acabar a internet, só sobrará esse tipo de mídia para as pessoas se informarem e se entreterem.

E muito provavelmente esse artigo seja uma pressão dessas mídias, já que elas são responsáveis por grande parte do dinheiro distribuído para os governos da União Europeia.

É definitivo?

Sim e não. Esse projeto deve demorar em torno de dois anos para virar lei e pode haver variação na lei de cada país. Além disso, um movimento massivo da internet europeia pode fazer com que isso seja barrado de alguma forma.

Como as redes sociais vão reagir?

O YouTube já se pronunciou e assegurou que se esse artigo virar lei a plataforma deve encerrar na Europa. E o mesmo deve acontecer com todas as demais.

Vejamos um exemplo bem banal: o Google Imagens. Todas as imagens ali presentes não são do Google e sim de terceiros. Para ter o direito das imagens, a empresa deveria pagar por todas elas, o que resultaria em um valor surreal. Ou seja, o Google Images não teria qualquer chance de continuar existindo.

O YouTube fez até um vídeo tentando chamar as pessoas para protestar contra isso.

Outros youtubers europeus também já reagiram contra isso, como o Wuant, que conta com mais de 3 milhões de inscritos:

E o Brasil?

Provavelmente o Brasil não deva ser tão afetado, exceto pelo fato do público português já citado acima. Por mais que esse fato possa dar ideias para políticos brasileiros, a força da internet no Brasil é muito grande.

É o segundo país que mais consome mídia online, atrás apenas dos Estados Unidos. Esse números são ainda mais absurdos em se tratando de YouTube.

Já tentaram aprovar uma lei aqui em que regulamentaria a profissão dos youtubers, mas não conseguiram. E acho quase impossível que uma lei como o Artigo 13 seja aprovada no país.

Hoje em dia, a população já consome mais internet do que as mídias tradicionais. Portanto, estamos a salvo.

Então, não acho que isso seja preocupante para Brasil e Estados Unidos. Pelo menos por enquanto.

O Artigo 13 é positivo?

A ideia do Artigo 13 deveria ser boa, mas não é. Deveria ser benéfica, porém é suja. O que eu quero dizer com isso?

Ele se vende como “uso justo” de direitos autorais. Entretanto, vamos analisar como funciona  YouTube atualmente.

De acordo com o content id se eu usar conteúdo de terceiros toda a minha receita do vídeo vai para essas pessoas. E ela tem a chance de me denunciar e tirar meu vídeo do ar se quiser. Tem uma forma melhor de proteger o direito do autor do que a que já é usada?

O artigo é tão absurdo que nem a música “Despacito”, com quase 6 bilhões de views, poderia estar no YouTube de acordo com ela, por violar direitos autorais de letra, composição etc.

Tenho 21 anos e curso jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie. Sou criador de conteúdo da influu e cubro os eventos da empresa. Amo cinema e tenho um canal no YouTube, chamado 16mm, sobre o tema.

RECEBA NOSSO CONTEÚDO POR EMAIL

Leia também

influu realiza encontro em São Paulo
Canal Influu
383 Visitas
Canal Influu
383 Visitas

influu realiza encontro em São Paulo

Victor Russo - 11 de agosto de 2017

No final de julho, dia 25, vários influenciadores se reuniram no bairro Pinheiros, em São Paulo, para participar de palestras,…

Qual é a hora certa de investir no seu canal?
Todos
263 Visitas
Todos
263 Visitas

Qual é a hora certa de investir no seu canal?

Victor Russo - 9 de fevereiro de 2018

O YouTube está em uma fase em que tem muita gente produzindo conteúdo e, por isso, a competição é enorme.…

Dica para aumentar visualizações no YouTube
Todos
206 Visitas
Todos
206 Visitas

Dica para aumentar visualizações no YouTube

Fernanda Campos - 18 de setembro de 2017

Está pronto para levar seu conteúdo de vídeo para o próximo nível? Descubra abaixo como obter mais visualizações no canal.…

YouTube usará Wikipédia para combater teorias da conspiração
Diversos
294 Visitas
Diversos
294 Visitas

YouTube usará Wikipédia para combater teorias da conspiração

Victor Russo - 14 de março de 2018

O YouTube deu mais um passo na tentativa de eliminar as fake news e notícias de teorias da conspiração que…

Comente

Seu email ficará oculto

Mais Visitados

Os 10 maiores canais brasileiros no YouTube
Diversos
39461 Visitas
Diversos
39461 Visitas

Os 10 maiores canais brasileiros no YouTube

Victor Russo - 9 de abril de 2018

O Brasil é um dos países que mais consomem conteúdos do YouTube no mundo. Aproximadamente 95% da população internauta brasileira utiliza a plataforma de vídeos do Google.…

YouTube Music e Spotify: Qual streaming é melhor?
Diversos
37308 Visitas
Diversos
37308 Visitas

YouTube Music e Spotify: Qual streaming é melhor?

Guilherme - 10 de agosto de 2018

Atualmente, o Spotify é um dos maiores serviços de streaming de música. Mas, a chegada do YouTube Music pode trazer uma concorrência bem disputada. Por isso, decidimos…

5 temas de videos para youtubers iniciantes
Todos
17913 Visitas
Todos
17913 Visitas

5 temas de videos para youtubers iniciantes

Fernanda Campos - 19 de abril de 2018

É comum que influenciadores digitais tenham bloqueios criativos ou dificuldades para encontrar temas de vídeos. Para que seu canal no YouTube não empaque, listamos algumas ideias que funcionam…

6 temas de vídeos para youtubers iniciantes
Canal Influu
15429 Visitas
Canal Influu
15429 Visitas

6 temas de vídeos para youtubers iniciantes

Fernanda Campos - 25 de outubro de 2017

É muito comum que influenciadores que estão começando um canal no YouTube tenham dificuldade em pensar sobre o que fazer vídeos. Mesmo que já tenha o tema…